A PHP Error was encountered

Severity: Notice

Message: Undefined index: HTTP_ACCEPT_LANGUAGE

Filename: hooks/lang.php

Line Number: 26

A PHP Error was encountered

Severity: Warning

Message: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at E:\inetpub\portalapcd2016\system\core\Exceptions.php:185)

Filename: libraries/Session.php

Line Number: 675

Estudo indica que bactérias cariogênicas produzem substância que auxilia na tolerância do cálcio - Portal APCD
APCD - Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas

Estudo indica que bactérias cariogênicas produzem substância que auxilia na tolerância do cálcio

Pesquisa mostrou como exopolissacarídeos ajudam bactérias cariogênicas na placa dental a tolerarem altos níveis de cálcio na boca

Em um novo estudo, realizado na Universidade de Basileia, os pesquisadores investigaram como bactérias cariogênicas conseguem sobreviver na placa dentária, apesar de muitas vezes as condições serem hostis. Os resultados mostraram que quanto mais cálcio as bactérias cariogênicas dissolvem, maior tornar-se a tolerância da bactéria ao cálcio e capacidade de sobrevivência no biofilme.

No processo de cárie, bactérias cariogênicas no biofilme causam cálcio para difundir fora do esmalte. A dissolução do cálcio aumenta a concentração de cálcio no local, criando um ambiente hostil para a vida bacteriana.

Os pesquisadores procuraram entender como as bactérias toleram altos níveis de cálcio e supõem que exopolissacarídeos (EPSs) excretados pelas bactérias cariogênicas apoiam a adaptações das espécies às condições locais pela ligação de cálcio. Os EPSs consistem de resíduos de açúcar insolúveis e formam a estrutura do biofilme, garantindo que as bactérias permaneçam aderidas à superfície do dente.

Os resultados do estudo, publicado na revista PLOS ONE, mostraram que os EPSs desempenham um papel central na tolerância de cálcio de bactérias cariogênicas na placa dental por ligação de cálcio. Além disso, os pesquisadores demonstraram que os EPSs possuem um grande número de locais de ligação de cálcio através do qual eles podem integrar o cálcio livre para o biofilme, neutralizando assim os efeitos tóxicos.

De acordo com a autora principal, Monika Astašov-Frauenhoffer, do Centro de Medicina Dentária, “esta integração de cálcio não só ajuda bactérias cariogênicas a sobreviverem no biofilme, mas também causa cárie. A integração dos "EPSs" e do cálcio inibe a remineralização do esmalte, como não há mais cálcio livre suficiente presente na placa. Esta descoberta é importante para obter uma melhor compreensão da regulação de cálcio em cárie”.

Fonte: Dental Tribune

Veja também

Clube de benefícios
+

Desconto na loja virtual Havanna.

15% de desconto

Saiba mais

Uma bebida

Saiba mais

Modernidade na sua casa? A Electrolux tem!

Até 30% de desconto

Saiba mais

Compre direto da fábrica com desconto.

Até 30% de desconto

Saiba mais