APCD - Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas

APCD participa de encontro com secretário estadual de saúde de São Paulo

Presidente da APCD e membro do ComSaude, Wilson Chediek, esteve no evento promovido na Fiesp. José Henrique Germann falou sobre a saúde da população paulista, inclusive a bucal

No dia 15 de maio, o ComSaude (Comitê da Cadeia Produtiva da Saúde e Biotecnologia) da Fiesp promoveu o encontro com o secretário estadual de saúde de São Paulo, José Henrique Germann, que apresentou a estrutura da pasta, os avanços nos 100 dias de gestão e os desafios do governo para oferecer um modelo de atendimento à saúde mais eficiente e com ferramentas de inovação tecnológica.

José Henrique Germann afirmou que “100 dias é o tempo que precisava para entender o tamanho da secretaria e realizar algumas urgências necessárias. As atividades mais estruturantes começam agora”. Falando sobre o desequilíbrio sistêmico, o secretário relata que a estimativa do custo total da saúde no Brasil por ano gira em torno de R$ 590,2 bilhões.

Segundo Germann, a rede própria da secretaria estadual de São Paulo realiza 895 mil internações anuais, 37% do total do SUS no estado. Dessas internações, 332 mil são cirúrgicas. “Do ponto de vista do atendimento, a secretaria estadual de São Paulo representa, ao todo, 43% do SUS”, comenta José Henrique Germann.

E acrescenta que “falta é uniformidade e harmonia entre todos os serviços. Uniformidade de qualidade e de atenção. Se não conseguirmos isso, não atingiremos nossos objetivos”.

Wilson Chediek, presidente da APCD e membro do ComSaude, participou da mesa de debates junto a outros líderes do setor. Na ocasião, agradeceu o empenho da secretaria na luta contra o câncer bucal, que mata 5.000 brasileiros a cada ano, segundo dados do Inca, e a importância da  se conscientizar sobre a prevenção; e questionou o que esperar do Estado nesse segmento. Em resposta, Germann reforçou que tratará a saúde bucal como tem tratado a saúde mental, dentro de um mesmo rol de preocupações.

Na ocasião, Wilson Chediek e Lucia Portes, membro do Grupo de Trabalho do CROSP, enfatizaram para o secretário a importância de aprovar o PLC 34/18 (que integra a classe odontológica à legislação que trata da carreira dos médicos). A APCD e o CROSP seguem nas tratativas com o secretário e com o governo para aprovação do projeto, ou para que se crie outro PL que beneficie os Cirurgiões-Dentistas servidores públicos do Estado de São Paulo, com urgência.

E ao ser questionado por Paulo Henrique Fraccaro, superintendente da Abimo, se é possível fazer mais com a verba atual da saúde, Germann respondeu: “não acredito que os problemas que temos são decorrentes de maior ou menor verba, mas sim de gestão, estruturação e desconhecimento”.

Informações: Fiesp

Veja também

Clube de benefícios
+

Ofertas especiais para você, confira!

Até 40% de desconto

Saiba mais

Descontos exclusivos na Rede Droga Raia.

Descontos especiais

Saiba mais

Aqui você tem desconto garantido.

Descontos especiais

Saiba mais

Diminua as faltas com lembretes via whatsApp

20% OFF Teste Grátis

Saiba mais