APCD - Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas

Mais uma edição do Observatório Iberoamericano de Políticas Públicas em Saúde Bucal no CIOSP

Neste ano, o tema das discussões foram Saúde Bucal nas Políticas e o novo modelo de financiamento da Atenção Básica

Nos dias 31 e 1º de fevereiro, ocorreu o V Encontro do Observatório Iberoamericano de Políticas Públicas em Saúde Bucal no 38º CIOSP. Na programação do primeiro dia foi feita a exposição de experiências publicadas no livro “SUS e Saúde Bucal no Brasil” com coordenação da professora do Departamento de Odontologia Social da Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo (Fousp), Fernanda Campos de Almeida Carrer. Além disso, foram discutidos os seguintes temas: “Rastreamento de câncer de boca em Suzano”, com a coordenadora de Saúde Bucal do Município de Suzano, Marisa Sugaya, com a Estomatologista do Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) da Prefeitura Municipal de Suzano e professora da Disciplina de Saúde Coletiva da Faculdade de Odontologia da Universidade de Mogi das Cruzes, Desiré Cavalcanti e a coordenadora de Saúde Bucal do Instituto Nacional de Amparo à Pesquisa, Tecnologia, Inovação e Saúde (INTS) de Suzano, Juliana Raful; “Inovação no cuidado do paciente com doença falciforme no Rio de Janeiro”, com a pesquisadora Márcia Alves; “Instrumento de integração ensino-serviço no curso de Odontologia Caruaru/PE”,  com o professor adjunto da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade de Pernambuco (UPE), José Eudes de Lorena Sobrinho.

No fim da tarde, o ex-coordenador nacional de Saúde Bucal do Ministério da Saúde, Gilberto Alfredo Pucca Junior, que é professor doutor da Universidade de Brasília (Unb), coordenou os debates sobre “O novo modelo de financiamento da atenção básica” que teve participação do professor da Uninove e ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha, e da assessora técnica e ex-presidente do Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo (Cosens/SP), Aparecida Linhares Pimenta. “É a terceira vez que nos reunimos aqui no Congresso. A ideia é que tenhamos uma articulação de países latino-americanos para levar a experiência brasileira do Brasil Sorridente para esses países e para conhecer a experiência deles para expandirmos as políticas públicas de saúde bucal na rede. E, no caso brasileiro, para ajudarmos na capacitação dos Cirurgiões-Dentistas para que eles deixem de ser um profissional passivo e passe a ser ativo, fazendo um planejamento para um trabalho mais resolutivo”, afirma Pucca.

Texto Swellyn França | Foto Divulgação CIOSP

 

 

Veja também

Clube de benefícios
+

Serviços especializados aos associados da APCD

Descontos especiais!

Saiba mais

É intercâmbio que você quer?

Descontos Especiais!

Saiba mais

Correcorp seu melhor treino!

Condições especiais

Saiba mais

Descontos exclusivos na Rede Drogasil

Descontos especiais

Saiba mais