APCD - Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas

Aprovado PLC que equipara Cirurgiões-Dentistas servidores públicos à carreira dos médicos

Projeto tem 15 dias para ser sancionado pelo Executivo

Em 14 de dezembro, Cirurgiões-Dentistas funcionários públicos estaduais de São Paulo celebraram a aprovação do Projeto de Lei Complementar (PLC) 34/2018, que integra a classe odontológica à legislação que trata da carreira dos médicos. O PLC foi encaminhado pelo Governo à Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), e votado durante a madrugada. Agora o documento tem 15 dias úteis para ser sancionado pelo Executivo.       

O Grupo de Trabalho (GT) de Cirurgiões-Dentistas funcionários públicos estaduais de São Paulo  realizou uma série de ações junto ao poder público com o intuito de corrigir os cargos e salários praticados.

O GT foi criado em 2013, com apoio do CROSP, logo após o Governo ter criado um plano de carreira para os médicos. A primeira grande ação aconteceu em julho de 2013 com um abaixo-assinado encaminhado para o Governador.

Após esse fato, com o apoio também da Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas (APCD), integrantes do GT passaram a marcar presença em diversos eventos do Executivo, solicitando a criação do plano de cargos e salários dos profissionais da Odontologia, além de participar de audiências com representantes do Governo e do Legislativo.

Linha do tempo

- Em 2014, um dos grandes feitos do GT foi a realização de uma mobilização na Avenida Paulista. Profissionais, trajados de jaleco, realizaram ato público com o intuito de sensibilizar a população e o poder público sobre a necessidade de valorização da classe.

- No mesmo ano, também foi elaborada a minuta do projeto de lei que contemplava a solicitação dos Cirurgiões-Dentistas. O documento, no entanto, permaneceu em análise na Secretaria e, por isso, em 2015 integrantes do grupo voltaram a indagar o poder público sobre o status do PL. A resposta foi de que a proposta havia sido encaminhada para a Secretaria da Casa Civil do Estado de São Paulo.

-  Em 2016, uma audiência pública levou centenas de Cirurgiões-Dentistas à Alesp. Na época os deputados presentes alegaram que mediante o envio do documento à Casa de Leis, aprovariam o PL, fato que não ocorreu.

- Em 2017, os membros do GT visitaram o presidente da Alesp, com objetivo de que os deputados também pressionassem o Governo, para agilizar o encaminhamento do PL para votação. O resultado só veio em 2018.

- Com a elaboração do PCL 34/2018 e envio do documento para Assembleia, os profissionais da Odontologia passaram a percorrer o gabinete dos 94 parlamentares da Casa de Leis. Inclusive participaram da reunião de Colégio de Líderes da Alesp, o que é incomum.

- O aceno positivo dos deputados em relação ao pleito fez com que centenas de Cirurgiões-Dentistas do Estado comparecessem às sessões da Casa, na expectativa da aprovação do PCL 34/2018. Por questões eleitorais e de orçamento, a proposta só pôde ser votada no mês de dezembro.

Ação conjunta

“O apoio do CROSP e da APCD foram muito importantes nesses anos. Sempre que possível eles nos acompanhavam e solicitavam a aprovação do nosso Projeto em audiências, inclusive com o Governador”, lembra a coordenadora do GT, Lucia Portes

Veja também

Clube de benefícios
+

Até 60% OFF + brinde surpresa exclusivo!

Até 60% de Desconto

Saiba mais

Desc. em todo portfólio nas compras online

35% de Desconto

Saiba mais

Clube de assinatura de livros infantis

Descontos especiais.

Saiba mais

Descontos exclusivos na Rede Droga Raia.

Descontos especiais

Saiba mais

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nossos serviços. Se quiser ainda, consulte nossa Política de Privacidade.