APCD - Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas

Pesquisa revela que sal gourmet não é mais saudável do que o comum

Brasileiro consome 10g por dia de sal, o dobro do recomendado pela OMS

O sal gourmet, que pode vir de várias partes do mundo, está em alta. Muita gente que está trocando o sal comum por aqueles todos coloridos pode estar, na verdade, gastando mais sem ter um resultado melhor.

Um estudo da Universidade de São Paulo mostra que a diferença de sódio entre eles é muito pequena. O sódio é importante para o metabolismo, mas o brasileiro consome 10g por dia, o dobro do recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Tem sal para todo gosto: da Pérsia, do Havaí, o rosa vem do Himalaia e o negro da boca do vulcão. Tem até o sal em barra, ideal, segundo o fabricante, para cortar e deixar o peixe em cima, para então já sair temperado.

O chamado sal gourmet, diferente do sal de cozinha, que a gente costuma usar no preparo dos alimentos, não passa pelo processo de refino da indústria. Ele tem o formato de cristais, porque não são usados produtos químicos. E, por isso mesmo, esse sal é considerado por muita gente como mais saudável. E será mesmo?

Pesquisadoras do Laboratório de Alimentos da USP concluíram que “em 1g de sal você tem 400 mg de sódio, no sal refinado. Nos gourmets, tem 312 mg, 360 mg, varia inclusive entre eles, mas não passa, não é abaixo de 300 mg”, contou a pesquisadora Eliana Bistriche Giutini.

O excesso de sódio é uma das principais causas das doenças cardiovasculares que causaram só no ano passado, quase 350 mil mortes. O controle do consumo de sódio é difícil, porque ele não está presente só no sal. “A gente tem sódio nos salgadinhos, nos biscoitos, nos embutidos. Até no leite você tem um pouco de sódio, então o sódio está distribuído por toda a cadeia alimentar”, afirmou a pesquisadora.

Tem consumidor que prefere as opções de sal gourmet porque têm mais sais minerais. “Só que é importante salientar que a quantidade de minerais presentes é muito pequena e não supre a nossa necessidade”, explicou a pesquisadora Kristy Soraya Coelho.

Fonte: G1 – Bom dia Brasil

Veja também

Clube de benefícios
+

Câmeras e assessórios com descontos.

20% de desconto

Saiba mais

Descontos especiais pelo Clube de Benefícios.

Até 15% de desconto

Saiba mais

Associados APCD ganham desconto!

20% de desconto

Saiba mais

Aluguel de Malas! Desconto especial!

20% de desconto

Saiba mais