APCD - Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas

III Grande Encontro de Saúde Bucal no SUS contou com palestra sobre SUS Digital

O III Grande Encontro de Saúde Bucal no SUS, realizado no dia 25 de janeiro durante o CIOSP 2024, reuniu os coordenadores estaduais e municipais de Saúde Bucal e os profissionais que atuam na ponta do serviço público atendendo a população. O objetivo é proporcionar novos conhecimentos e acessos a tecnologia e pesquisas que visem a melhoria das práticas clínicas.

Destaque para a palestra da Dra. Ana Estela Haddad, secretária de Saúde Digital do Ministério da Saúde, que falou sobre “O SUS Digital e perspectivas para 2024”. Ela explicou que a saúde digital é o conjunto de saberes, técnicas, atitudes e valores que se desenvolvem a partir do crescimento do espaço digital.

“A saúde digital no SUS começou com a telessaúde, que inclui teleconsultoria, teleconsulta, teletriagem, entre outros. Depois vieram os termos e-saúde e saúde digital. A informação digital é importante. Para aplicar a inteligência artificial, por exemplo, precisamos de grandes bancos de dados”, explicou.

Segundo ela, a saúde digital, seja no SUS, seja no sentido mais amplo, traz oportunidades para fazer uma melhor gestão, tomar decisões mais bem informadas, ampliar o acesso dos pacientes ao sistema de saúde com qualidade, oferecendo uma continuidade do cuidado através do prontuário eletrônico. “Mas também há riscos relacionados à proteção de dados. Precisamos fazer um balanceamento entre oportunidades e desafios”, disse.

Dra. Ana Estela explicou que, com a criação da Secretaria de Informação e Saúde Digital, formou-se um guarda-chuva com múltiplas ações, como o programa SUS Digital, que tem por objetivo avançar nessa transformação. Entre os pontos importantes estão a conectividade e a interoperabilidade, que é capacidade de diferentes sistemas de informação trabalharem de forma integrada e trocarem informações de maneira eficaz e segura. “Precisamos equilibrar dados abertos com a proteção de dados”, disse.

Na sequência, a Dra. Doralice Severo da Cruz, coordenadora-geral de Saúde Bucal do Ministério da Saúde, apresentou o tema: “O Ministério da Saúde e a Saúde Bucal no SUS: avanços em 2023 e perspectivas para 2024”. “Não iniciamos ainda a inclusão da Saúde Bucal no SUS Digital, mas temos um Grupo de Trabalho formado pela Coordenação Geral de Saúde Bucal e a Secretaria de Informação e Saúde Digital (SEIDIGI), e estamos caminhando com o apoio da Dra. Ana Estela”, disse.

Ela ressaltou que a Política Nacional de Saúde Bucal está sendo atualizada e, para isso, os coordenadores estaduais da Saúde Bucal e os coordenadores municipais da Saúde Bucal das capitais foram convidados a este evento no CIOSP para se debruçarem juntos sobre o tema, a fim de que tenham participação bastante ativa no processo.

“Há na Lei uma diretriz que envolve o desenvolvimento de uma política de educação permanente em saúde para os trabalhadores em Saúde Bucal, com o objetivo de implementar projetos de mudança na formação em nível técnico, graduação e pós-graduação, de modo a atender as necessidades da população e aos princípios do SUS. Essa é uma das diretrizes que conversa muito com o SEIDIGI e as tecnologias digitais utilizadas”, explicou.

Veja também

Clube de benefícios
+

Aqui você tem desconto garantido.

Descontos especiais

Saiba mais

Desconto especial para Associados

Até o 41° CIOSP

Saiba mais

Gestão de Redes Sociais com Desconto Exclusivo

15% de Desconto

Saiba mais

Viva momentos inesquecíveis!

15% de desconto

Saiba mais

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nossos serviços. Se quiser ainda, consulte nossa Política de Privacidade.